banner home

Curso sobre Doutrina Social da Igreja

Curso DSI intro

Algumas explicações prévias

Ao propor a realização de um curso sobre doutrina social da Igreja, convirá porventura dar algumas explicações prévias sobre o conteúdo e a forma de abordagem que se pretende adotar.

 1. Objeto e objetivo – Como o próprio nome indica, a doutrina social da Igreja é uma doutrina, isto é, um sistema de ideias normativo. O objeto do curso é, portanto, doutrinário, normativo. Isso não significa, porém, que o objetivo do curso também o seja. Pelo contrário, o objetivo do curso é dar a conhecer o conteúdo da doutrina social da Igreja. Trata-se, portanto, de um objetivo científico, positivo. Existe implícita, é claro, a convicção de que a doutrina social da Igreja pode ter importância normativa prática, ou seja, política. E não se pretende evitar a discussão em torno dessa sua possível utilização. A base de qualquer discussão desse tipo e, insiste-se, o objetivo do curso, é, contudo, o conhecimento objetivo do conteúdo da doutrina.

2. Linhas programáticas – O plano das sessões adiante apresentado toma como ponto de partida o Compêndio de Doutrina Social da Igreja de 2004 e adota a partir daí uma abordagem assumidamente histórica. Por outras palavras, propõe-se o estudo da doutrina social da Igreja através da sua evolução e da sua interação com a realidade social. A justificação da opção por este enfoque reside na convicção de que ele permite perspetivar melhor a potencial dinâmica de transformação e aplicação futura, ao compreender essa dinâmica no passado.

Sob o ponto de vista temático, o estudo privilegiará o domínio económico da vida social, sem se concentrar exclusivamente nele. A justificação da opção por este enfoque reside, é claro, no interesse predominante esperado dos participantes, enquanto estudiosos sobretudo do domínio económico da vida social.

3. Organização do trabalho – O coordenador do curso assume a responsabilidade pela apresentação em cada sessão do tema anunciado. Espera, entretanto, que essa apresentação não esgote as sessões e planeará as apresentações de modo a que desejavelmente dêem origem a troca de impressões e debates baseados nos documentos, sobretudo documentos pontifícios e conciliares, que constituem o núcleo temático de cada sessão, e em outras contribuições que os participantes queiram trazer.

 Plano das sessões

 

1 – Uma síntese – o Compêndio de Doutrina Social da Igreja (2004) pdf gif 
2 – A inovação epocal – a encíclica Rerum novarum (1891) pdf gif 
3 – As origens – o catolicismo social e a doutrina social da Igreja antes da Rerum novarum pdf gif 
4 – Do catolicismo social à Acção Católica – a encíclica Quadragesimo anno (1931) pdf gif 
5 – Da Acção Católica à democracia cristã – as radiomensagens do Pentecostes de 1941 e do Natal de 1944 pdf gif 
6 – Da democracia cristã à problemática do desenvolvimento – a encíclica Mater et magistra (1961). pdf gif 
7 – Da democracia cristã à problemática do desenvolvimento – a encíclica Pacem in terris (1963) pdf gif 
8 – Da democracia cristã à problemática do desenvolvimento – a constituição conciliar Gaudium et spes pdf gif 
9 – Da democracia cristã à problemática do desenvolvimento – a encíclica Populorum progressio (1967) pdf gif 
10 – Da democracia cristã à problemática do desenvolvimento – a carta apostólica Octogesima adveniens (1971) pdf gif 
11 – Consolidação – a encíclica Laborem exercens (1981) pdf gif 
12 – Consolidação – a encíclica Sollicitudo rei socialis (1987) pdf gif 
13 – Consolidação – a encíclica Centesimus annus (1991) pdf gif 
14 – Sistematização – de novo o Compêndio de Doutrina Social da Igreja (2004) pdf gif 
15 – Desenvolvimentos recentes – a encíclica Caritas in veritate (2009) pdf gif 

 

Bibliografia: documentos mencionados no plano das sessões, acessíveis na estação da Santa Sé na Internet,

Sítio da Santa Sé (idioma português)